Triglicérides

O exame de triglicerides, também chamado de triglicerídeos, serve para medir a quantidade da substância em nosso sangue, que é uma espécie de gordura usada como fonte de energia.

Os triglicerídos não devem ser confundidos com o colesterol. De acordo com a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular do Rio de Janeiro (SBACV-RJ), a principal diferença entre eles é que o colesterol é sintetizado pelo corpo (somente uma parte é oriundo da alimentação), enquanto os triglicerides são resultantes diretamente da nossa dieta.

No entanto, o nível elevado desse tipo de gordura no sangue pode ser um fator de risco para o desenvolvimento de inúmeras doenças cardiovasculares.

Além do mais, os triglicerides se acumulam nas células gordurosas do tecido adiposo, podendo causar inúmeras doenças, como a pancreatite.

Como é feito?

O exame de triglicerides é feito como parte do perfil lipídico do paciente, para avaliar o risco de doença cardíaca. Sendo assim, ele normalmente é requisitado como um complemento aos exames de colesterol.

No caso de pessoas diabéticas, é importante ter um controle maior dos triglicerides, já que eles podem aumentar quando os níveis de glicemia estão descontrolados. Sendo assim, a realização do exame pode ter uma frequência maior.

Como se preparar?

Para realizar o exame, o paciente deve estar em jejum, de acordo com orientação médica ou conforme as recomendações do laboratório.

Caso você tome algum medicamento, também é necessário informar sobre a medicação, a fim de evitar qualquer inconformidade nos resultados.

Também é recomendável evitar o consumo de álcool, cafeína e realizar exercícios de alta intensidade, por pelo menos 24 horas antes da realização do exame.

Prazo de entrega

Não tenho essa informação.

Para que serve?

O exame da triglicerides é requisitado para monitorar o perfil lipídico dos pacientes, em especial quando há o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Pessoas que tiveram infarto do miocárdio ou que estão em tratamento devido a alguma enfermidade, também precisam realizar o teste periodicamente.

Além disso, o exame de triglicerides é parte do check-up normalmente requisitado pelos médicos.

Quem está no grupo de risco para o desenvolvimento de doenças cardíacas também precisa de uma atenção maior quanto aos triglicéries. Sendo assim, é necessário realizar o exame com maior periodicidade:

  • fumantes;
  • homens com mais de 45 anos;
  • mulheres com mais de 55 anos;
  • pessoas com hipertensão arterial;
  • pessoas com histórico familiar de doenças cardíacas;
  • diabéticos.

Normalmente, o exame de triglicerides não costuma ser pedido para crianças e adolescentes sem fatores de risco. Mas, isso dependerá muito das recomendações do médico.

Quais são os resultados?

Salientamos que a interpretação dos resultados dependerá fundamentalmente do trabalho do seu médico, visto que é necessário analisar outros fatores envolvidos e as condições únicas de cada organismo. Inclusive, é preciso levar em conta os outros componentes do perfil lipídico.

Em adultos, os resultados mais comuns são:

  • desejável: menor que 150mg/dL;
  • limítrofe: entre 150 a 199mg/dL;
  • alto: entre 200 a 400mg/dL;
  • muito alto: acima de 500mg/dL.

Alguns valores acima do considerado desejável podem ser tratados com uma mudança de hábitos, incluindo a adoção de uma dieta mais saudável e a prática regular de atividades físicas.

Contudo, em valores muito altos, em conjunto com outras condições de saúde e alterações no colesterol, diabetes e outras substâncias, é possível iniciar outro tipo de tratamento, que irá depender da recomendação e orientação médica.

Importante ressaltar que os valores dos triglicerides mudam muito após as refeições, chegando a valores até 10 vezes maiores do que as condições em jejum.

Inclusive, mesmo em jejum, é possível constatar algumas variações de um dia para o outro dependendo da alimentação. No entanto, esses valores não são considerados anormais.

Como diminuir os triglicerides?

Como dito anteriormente, algumas mudanças no estilo de vida podem contribuir para reduzir os níveis de triglicerides no sangue.

Uma dica é trocar a gordura saturada encontrada em carnes, pela gordura monoinsaturada das plantas, como azeite, amendoim e óleo de canola. Substituir carnes vermelhas por peixes ricos em ômega-3 também é uma forma de controlar o triglicerides.

A recomendação é que realizar, pelo menos, 30 minutos de atividades físicas todos os dias. Os exercícios ajudam a controlar a gordura presente no sangue, além de melhorar significativamente a qualidade de vida.

Venha fazer o seu exame de triglicerides no Laboratório Marcos Donadon! Entre em contato direto conosco para tirar as suas dúvidas.

📞 (69) 3229-6917

💬 (69) 98501-1938

Rua Joaquim Nabuco, 2105 – Centro 76804-340 – Porto Velho – RO

Como é feito?

O exame de triglicérides mede a quantidade de gordura presente no sangue, que é uma importante fonte de energia para o corpo, mas que em excesso pode resultar em inúmeras doenças.

A maior parte do triglicérides está concentrada no tecido adiposo, mas uma quantidade circula no sangue, justamente para funcionar como um “combustível” energético para os músculos do organismo.

Os triglicérides também podem ficar muito altos quando a pessoa é diabética e está com a glicemia fora de controle.

Em geral, os valores tendem a aumentar logo após as refeições, podendo chegar a níveis 5 a 10 vezes maiores. Por isso, recomenda-se o jejum para os exames de perfil lipídico.

Além disso, alguns remédios, como corticosteróides, inibidores de proteases e medicamentos usados no tratamento de HIV podem aumentar os níveis de triglicérides. Por isso, é importante informar o laboratório.

Os valores entre 150 mg/dl e 200 mg/dl já são considerados limítrofes e, por conta disso, é preciso ter controle, normalmente com alimentação e dietas. Para casos acima desses valores, é necessário entrar com tratamento médico, muitas vezes medicamentoso.

Para que serve?

O perfil lipídico e o exame de triglicérides é realizado como parte do check up de rotina, sendo fortemente recomendado para os seguintes casos:

  • histórico de doenças cardiovasculares na família;

  • casos de acidente vascular cerebral (AVCs);

  • pacientes com idade superior a 40 anos;

  • sintomas de hipertensão arterial, diabetes e outras doenças.

Importante ressaltar que o triglicérides alto é uma condição silenciosa, isto é, não apresenta sintomas. No entanto, a falta de cuidados e prevenção podem resultar em diversos problemas e, por conta disso, é importante o diagnóstico precoce.

É bem comum que o triglicérides alto acompanhe também os níveis elevados de colesterol. Por conta disso, deve-se ficar atento aos demais resultados do exame completo de sangue.

Os cuidados para abaixar o nível de triglicérides envolvem mudança no estilo de vida, com uma alimentação equilibrada e saudável, prática de exercícios físicos regulares, além de evitar a ingestão excessiva de álcool e tabaco.

Para outros tipos de tratamento, é necessário ter um acompanhamento médico constante, com dietas mais regradas e restritivas, dependendo dos valores constados no exame.

Quer saber mais sobre o exame de triglicérides em Porto Velho? Entre em contato para agendar o seu teste no Laboratório Marcos Donadon!

Telefone: (69) 3229-6917

Whatsapp:  (69) 98501-1938

Rua Joaquim nabuco, 2105 - Centro 76804-340 - Porto Velho - RO.

Assine a Newsletter

    (69) 3229-6917

    Rua Joaquim nabuco, 2105 - Centro 76804-340 - Porto Velho - RO

    Ver no mapa

    Jussara Isa Braga Pacheco
    Responsável técnico
    CRBM: 2417

    Nosso material tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação. Em caso de dúvidas , consulte o seu médico.

    Termos e serviços